Alma Viajante  

Conhecendo o Mundo e Compartilhando Experiências

O mais difícil é a despedida!

11.06.2019

Quem viaja sabe que o momento mais difícil são as despedidas. Das pessoas, dos lugares, das experiências e das vivências. 
Despedidas de pessoas que talvez você nunca mais veja, de lugares que talvez nunca mais tenha a mesma energia do dia em que visitou, das experiências e vivências que são momentos únicos e não voltam mais.

 

Aprender a lidar com as despedidas é algo que acaba sendo necessário para quem viaja. Aprender a soltar as amarras daquilo que fez parte do nosso dia a dia, é o segredo para que este processo se torne mais fluído.

 

Claro que, de acordo com a experiência que você tem, sendo ela mais intensa, ficando mais tempo no mesmo lugar e se relacionando mais intensamente com as pessoas, esse processo de finalização, terá um tempo para acontecer e você deve deixar ele simplesmente fluir, sem ficar pensando em cada coisa que deixou para trás. 

 

No processo das despedidas, o "esteja aberto e receptivo as oportunidades", também é válido, pois é ai que muitas vezes podem passar oportunidades por você, que você não consegue enxergar, porque está preso ao que passou e vivenciou na última viagem.

 

O que motivou esta pauta, foi justamente um processo bem intenso de finalização que passei este ano depois de passar vinte dias na Guarda do Embaú e ter que voltar a minha realidade em São Paulo.

 

Tive dias incríveis com pessoas sensacionais por lugares mais espetaculares ainda, sem contar todo o clima de verão e de trabalho, que muda completamente o ritmo de vida, estando em uma região de praia.

 

 

INSPIRE-SE COM OS POSTS: 

Guarda do Embaú: o Paraíso Escondido de Santa Catarina

Porque viajar fazendo Voluntariado?

Enxergue a Experiência com Olhos de Criança, e Viva de Forma Diferente!

As amizades de Viagem fazem toda a Diferença!

 

 

Voltar, despedir de tudo e desapegar daquela rotina de praia, sol e mar todos os dias, foi bem difícil, tanto é que depois passei mais dez dias em Florianópolis, e ainda assim estava querendo voltar para a rotina na Guarda e não aproveitei tão intensamente, por estar focada em querer voltar no tempo. 

 

Por mais difícil e intenso que tenha sido esse período de volta, ensinou que era só uma fase que tive que finalizar e passar. E mostrou que a cada nova experiência é preciso que deixemos que todos os sentimentos e sensações passem por nós para que possamos aprender a ser mais fortes com elas.

 

E o mesmo aconteceu algumas outras vezes, quando voltei de outros lugares como a Chapada dos Veadeiros a primeira vez que estive lá por quatro dias, e tive a certeza de que um dia eu voltaria. Assim também aconteceu quando entrei no avião no aeroporto de Lençóis na Chapada Diamantina onde passei quinze dias. E mais intenso ainda, foi quando estava sobrevoando a Cordilheira dos Andes, depois de uma semana no Deserto do Atacama, e as lágrimas escorrendo dos meus olhos. 

 

O que posso dizer por experiência própria é que, a cada experiência nos tornamos mais fortes e resistentes para aprender a lidar com cada uma dessas sensações, sentimentos e despedidas tão intensas. Só precisamos ter paciência, saber que é uma fase e deixar as coisas fluírem naturalmente como devem ser, porque tudo tem o tempo certo para acontecer, começar e acabar. 

 

 

 

 

Dia desses vi um vídeo pelo instagram onde dizia que nada é mais instável do que a própria Terra em que vivemos, porque ela fica literalmente solta no universo, e diante disso, devemos soltar e deixar as pessoas, lugares e experiências se tornarem ótimas lembranças em nossa mente.

 

Para quem viaja, e tem experiências intensas, o mais difícil é a despedida sim, mas com muitas novas possibilidades de voltar, rever os amigos, lugares e vivenciar novas experiências que estão somente esperando você para serem vivenciadas!

 

Você já teve alguma experiência de viagem assim tão intensa que a despedida foi um dos momentos mais difíceis? 

 

 

Please reload

SOBRE

Juliana Santos, que deseja mostrar a todas as pessoas, que viajar é mais do que conhecer lugares, é provar e compartilhar experiências! E que basta mudar a nossa visão sobre as coisas e lugares, olhando positivamente, que sempre teremos experiências engrandecedoras.

RESERVE SEU HOTEL 

SOLICITE SEU ROTEIRO PERSONALIZADO

ALUGUE SEU CARRO

Já pensou em Viajar e unir Experiência e Propósito?

22 Jan 2019

13 Hotéis, Pousadas e Refúgios para curtir o Verão no Litoral Sudeste do Brasil!

20 Nov 2018

Com estilo, sem pesar no bolso: 16 Hostels Estilosos pelo Brasil!

24 Oct 2018

1/1
Please reload