Alma Viajante  

Conhecendo o Mundo e Compartilhando Experiências

Lugares que conectam: Já vivenciou isso?

Poderia começar esse post descrevendo um lugar que já me conectou, como alguns que já visitei e aconteceu isso.

Mas hoje, quero começar fazendo diferente e pedir para você se conduzir nessa viagem pelas entranhas da sua mente.


Silencie, feche os olhos e pense naquele lugar que mais te conectou

ou trouxe um sentimento bom até hoje.

O que isso te faz sentir?

Te traz um sorriso interno?

Um quentinho no coração?

Traga os detalhes, o vento no rosto, o cheiro de verão ou primavera florida,

o gosto das culinárias tradicionais, a sensação da queda da cachoeira caindo em sua cabeça

e por aí vai..



Você já deve ter ido a um lugar que tenha te conectado, que tenha te inspirado, e que a partir de um lugar interno mais profundo, ele tenha realmente te transformado em algum nível de seu ser.


Assim como todos nós, a Terra, os destinos e "pontos turísticos", possuem energias, e isso faz com que nos conectamos mais com um lugar do que com outros.

Claro que existem outros fatores para especificar o porque nos conectamos mais com um lugar do que com outros, como por exemplo, o momento de vida em que estamos passando e a forma como esse lugar se apresenta para nós.


Mas através das histórias, dos povos que habitaram determinado lugar e de suas tradições e rituais, por exemplo, isso tudo são informações que ficam guardadas através do inconsciente coletivo, e nós acessamos quando visitamos eles.


Assim como acontece quando algumas pessoas vão à lugares como o Campo de Concentração de Auschwitz, na Polônia, e relatam terem sentido fortes emoções de tristeza e dor, porque aquele lugar guarda as informações de toda uma história que foi muito desafiadora para o mundo todo.


Dá mesma forma acontece, por exemplo, quando estou na Chapada dos Veadeiros, e sinto que ali restabeleço conexões com o meu poder pessoal, porque supero meus limites fazendo diversas trilhas, me conecto com a natureza que traz ensinamentos e aprendo muito com tudo que se apresenta ao meu redor.


Como nós conectamos com esses lugares:

  • a própria energia do local (acessada pelo inconsciente coletivo);

  • nosso momento atual (processos de vida que estamos passando, lições que precisamos aprender);

  • a forma como o lugar se apresenta para nós (através de aspectos físicos, de pessoas e da própria experiência em si).


Cada um de nós podemos nos conectar com todos os tipos de lugares, independente se é uma sensação boa, ou um pouco mais densa, mas saiba que toda sensação vem para trazer um ensinamento e entendimento de algum processo pelo qual você está passando, e precisa integrar.


E se você já se conectou dessa forma com algum lugar, comenta aqui embaixo e nos conte essa história. (:



SOBRE

Juliana Santos, que deseja mostrar a todas as pessoas, que viajar é mais do que conhecer lugares, é provar e compartilhar experiências! E que basta mudar a nossa visão sobre as coisas e lugares, olhando positivamente, que sempre teremos experiências engrandecedoras.

RESERVE SEU HOTEL 

SOLICITE SEU ROTEIRO PERSONALIZADO

ALUGUE SEU CARRO