Alma Viajante  

Conhecendo o Mundo e Compartilhando Experiências

Gentrificação: Um passeio pelos bairros mais Descolados do Mundo!

19.09.2018

Com certeza aí pela sua cidade ou estado, você já deve ter visto aquelas áreas que eram abandonadas, e de repente, ela se transformou. Apareceu empresas, bares, lojas, boutiques, galerias de arte e diversos outros tipos de empreendimentos criativos para ocuparem esta área. 

 

Já viu algo assim? 

Isso chama-se Gentrificação!

Nada mais é do que um processo de revitalização urbana, em uma zona urbana que estava abandona.

 

A palavra gentrificação vem do inglês gentrification. E esse processo hoje em dia faz surgir diversos bairros que se tornam a bola da vez ao redor do mundo. Foi assim com a Vila Madalena, em São Paulo, e todo seu charme cool, com grafites espalhados pelas paredes do bairro, feirinhas de rua com produtos artesanais, brechós, boutiques, restaurantes e bares descoladex.

 

O termo foi bem visto por um tempo, mas logo teve seus aspectos negativos expostos, trazendo diversos questionamentos. Pois normalmente, alguns bairros já possuem moradores, que são realocados em outros bairros, trocando um grupo por outro, de poder aquisitivo maior, consequentemente, aumentando o valor dos imóveis da região.

 

O interessante, é observar que todo esse processo de revitalização do bairro, traz diversos empreendimentos inovadores e independentes, que mostram uma proposta do produtor local, priorizando marcas locais, de moradores da própria cidade, ao invés de ir no fluxo de massa da globalização.

Fato é: É demais visitar esses bairros em nossas viagens!

 

Conheça alguns desses bairros ao redor do mundo e até no Brasil, para você visitar em suas viagens:

 

 

RIO DE JANEIRO: 
 

A capital carioca vem se tornando cada vez mais inovadora, e isso se deve aos mega eventos que ocorreram no Brasil, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas. A zona portuária da cidade, hoje, tem outra cara. Com museus, murais de grafites incríveis e até o VLT para interligar à outras áreas da cidade. 

Outro exemplo, são as comunidades, e principalmente a do Vidigal, que possui ótima localização e vista para a cidade e o mar. Após a pacificação, a criminalidade diminuiu, e consequentemente, os aluguéis aumentaram, fazendo com que diversos empreendedores se interessassem pela área. É possível ver os famosos favela tour, e locais como o Mirante do Arvrão e o Bar da Lage

 

 

 

WILLIAMSBURG (Brooklyn, Nova York):

 

Local onde foi gravada episódios da série Girls, o bairro é reduto dos hipsters no mundo. Cheio de livrarias independentes, feiras ao ar livre com produtos orgânicos e produtos artesanais, cafés descolados e muito mais. Toda a cena de arte contemporânea de Nova York se concentra praticamente por lá, com milhares de lojas descoladas.

 

 

RECIFE: 

 

O bairro do Recife Antigo está bem mais tranquilo do que antigamente, e com seu patrimônio histórico tombado pela região, o local tornou-se boêmio, cultural, artístico e com diversas lojas. Aos domingos acontecem feiras pelo bairro dando outra cara ao centro histórico. 

 

VEJA TAMBÉM: 

Recife: 02 dias para desvendar a Veneza Brasileira

 

 

SHOREDITCH (Londres, Inglaterra):

 

Após as Olimpíadas de Londres em 2012, a cidade teve a área de Shoreditch totalmente transformada, com público interessado em cervejas artesanais, cafés com grãos selecionados e diversas hamburguerias diferenciadas. Em cada esquina há food trucks e brechós espalhados, com festivais de arte e música sempre rolando.

 

SÃO PAULO:

 

São Paulo já é uma cidade completamente multi, mas possui diversas áreas ainda desvalorizadas. Mas como já mencionado, a região da Vila Madalena hoje em dia possui livrarias culti, barzinhos descolados, espaços de coworking e empresas super prafrentex. 

E é possível observar esse processo em pleno centro da capital paulista, na área da República, com diversos restaurantes e bares, tornando até o Edifício Copan, que era praticamente abandonado, a ponto de interesse imobiliário, turístico e arquitetônico da cidade.  

Outro importante ponto da cidade revitalizado recentemente, foi o Minhocão, que antigamente era muito perigoso, e hoje em dia há feiras, lojas, além dele ser utilizado como espaço público para pedestres aos finais de semana. 

VEJA TAMBÉM: 

Avenida Paulista: O Coração Democrático de SP

 

 

PALERMO (Buenos Aires, Argentina):

 

Em meio à árvores e fachadas coloridas, o bairro de Palermo se destaca por ter diversos restaurantes descolados, cafés prafrentex e super aconchegantes, street art, e um público em busca das modernidades da cidade. A região se divide em várias partes, mas as mais conhecidas são Palermo Soho e Palermo Hollywood, que contam com lojas de design, brechós, galerias, parques e muito mais. 

 

 

SALVADOR:

 

A região do Pelourinho já foi considerada uma das mais degradadas e perigosas da cidade de Salvador. Hoje em dia, o local recebe milhares de turistas diariamente, e possui de um tudo, cafés, lojas, museus, belezas arquitetônicas e muito acarajé. 

 

VEJA TAMBÉM:

Morro de São Paulo: O Paraíso Baiano na Costa do Dendê!

 

 

KREUZBERG (Berlim, Alemanha):

 

Kreuzberg fica ao lado do bairro Neukölln, tornando-se a região mais descolada de Berlim. O local era ocupado por imigrantes e aos poucos foi sendo habitado por jovens, que foram atraídos pelo baixo preço do aluguel. A partir daí, os imóveis tiveram uma das maiores valorizações do mercado imobiliário da cidade. Nas ruas é possível ver grafites como da dupla Os Gêmeos, cafés e bares descolados, além de restaurantes para todos os gostos, desde indianos até vietnamitas. 

 

 

 

 

VEJA TAMBÉM:

08 dicas para Experienciar da melhor forma as suas Viagens!

Glamping: Já Pensou em ter a Experiência de Acampar com Conforto?

TOP LIST - Inspiração de Viagem: 10 filmes para viajar sem sair de casa!

Poshtel: Conheça a nova tendência de Hostels de Luxo

 

 

WOODSTOCK (Cidade do Cabo, Africa do Sul):

 

O bairro mais descolado da Cidade do Cabo, Woodstock é conhecido como centro artístico e cultural da cidade, tudo isso porque está localizado num reduto onde haviam várias fábricas desativadas. Espere para ver restaurantes com comidinhas naturais, grafites ao caminhar pelas ruas, galerias e a famosa Feirinha da The Old Biscuit Mill

 

 

Você conhece algum desses lugares? O que achou ao conhecê-los?

E conhece algum lugar com essas características ao redor do mundo? 

Deixe aqui embaixo seu comentário contando sua experiência. (:

 

 

 

Please reload

SOBRE

Juliana Santos, que deseja mostrar a todas as pessoas, que viajar é mais do que conhecer lugares, é provar e compartilhar experiências! E que basta mudar a nossa visão sobre as coisas e lugares, olhando positivamente, que sempre teremos experiências engrandecedoras.

RESERVE SEU HOTEL 

SOLICITE SEU ROTEIRO PERSONALIZADO

ALUGUE SEU CARRO

Já pensou em Viajar e unir Experiência e Propósito?

22 Jan 2019

13 Hotéis, Pousadas e Refúgios para curtir o Verão no Litoral Sudeste do Brasil!

20 Nov 2018

Com estilo, sem pesar no bolso: 16 Hostels Estilosos pelo Brasil!

24 Oct 2018

1/1
Please reload